sábado, 17 de junho de 2017

PETER SAGAN VENCE E CONVENCE

PETER SAGAN VENCE E CONVENCE
Foto de Camisola Amarela.
O campeão do mundo Peter Sagan foi o grande vencedor da 8ª etapa da Volta a Suíça, conseguindo a 15ª vitória em etapas na competição helvética, a 2ª nesta edição. Em mais um final ao sprint, o eslovaco bateu os italianos Sacha Modolo e Matteo Trentin. A classificação geral não sofreu alterações e Simon Spilak continua líder, com Rui Costa a manter o 5º posto.
Última etapa em linha da Volta a Suíça, com um total de 100 kms a serem disputados em circuito. Cedo Lasse Norman Hansen, Nick Van der Lijke, Jelle Wallays e Jaco Venter formaram a fuga do dia. Este grupo nunca teve mais de 2 minutos para o pelotão, sempre controlado pela Katusha-Alpecin e pela Bora-Hansgrohe. Mais à frente, também a Trek e a Sunweb se juntaram à perseguição.
Na fuga, estava a luta pela montanha, onde Hansen e van der Lijke estavam separados oir 1 ponto. No final, o dinamarquês da Aqua Blue levou a melhor, sendo já o virtual vencedor desta classificação. O quarteto estava condenado e, a 15 kms do fim, pouco antes da chegada à meta, eram alcançados. Pelo meio, Gianluca Brambilla esboçou um ataque.
Na última passagem pela subida do dia, Michael Matthews atacou, com Greg van Avermaet, Arthur Vichot, Philippe Gilbert, no entanto, na descida, o pelotão conseguiu reagrupar. Quem aproveitou foi Fabio Felline, para se lançar ao ataque. O trabalho da Bora surtiu efeito e o italiano da Trek-Segafredo era alcançado.
A Orica e a QuickStep também apareceram na frente no final. À entrada do quilómetro final, entrou a QuickStep na frente, com Philippe Gilbert a liderar o grupo. O trabalho do campeão belga foi extraordinário, deixando o seu sprinter na frente. Davide Martinelli fez o lançamento perfeito mas, detrás saiu o campeão do mundo Peter Sagan disparado para mais uma vitória fácil, derrotando Sacha Modolo e o próprio Matteo Trentin, ciclistas que completaram o pódio da etapa.
Com os tempos tirados na penúltima passagem pela meta, a classificação geral manteve-se inalterada.

Top 10 da etapa:
1. Peter Sagan (Bora-Hansgrohe) 01h 57' 34'' 
2. Sacha Modolo (UAE Team Emirates) + 00' 00'' 
 3. Matteo Trentin (Quick-Step Floors) + 00' 00'' 
 4. Magnus Cort Nielsen (Orica-Scott) + 00' 00'' 
 5. Niccolo Bonifazio (Bahrain-Merida) + 00' 00'' 
 6. Michael Matthews (Team Sunweb) + 00' 00'' 
 7. John Degenkolb (Trek-Segafredo) + 00' 00'' 
 8. Oscar Gatto (Astana Pro Team) + 00' 00'' 
 9. Kevin Reza (FDJ) + 00' 00'' 
 10. Salvatore Puccio (Team Sky) + 00' 00''

Top 10 da classificação geral:
1. Simon Spilak (Katusha-Alpecin) 29h 59' 50''
2. Damiano Caruso (BMC Racing Team) + 00' 52''
3. Steven Kruijswijk (Team LottoNL-Jumbo) + 01' 05''
4. Domenico Pozzovivo (Ag2r La Mondiale) + 02' 28''
5. Rui Costa (UAE Team Emirates) + 02' 35''
6. Mathias Frank (Ag2r La Mondiale) + 02' 51''
7. Mikel Nieve (Team Sky) + 02' 54''
8. Ion Izagirre (Bahrain-Merida) + 03' 51''
9. Marc Soler (Movistar Team) + 04' 07''
10. Pello Bilbao (Astana Pro Team) + 04' 10''
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.