quarta-feira, 27 de julho de 2016

A polícia religiosa da Arábia Saudita deu o sinal verde para que as mulheres usem bicicletas e motocicletas

Arábia Saudita permite mulheres usarem bicicleta, mas sob condições

A polícia religiosa da Arábia Saudita deu o sinal verde para que as mulheres usem bicicletas e motocicletas sempre que forem acompanhadas por um homem de sua família e vestidas de uma maneira "respeitável", informou nesta segunda-feira a imprensa local.
O jornal saudita "Al Yum" afirmou que é permitido às mulheres se deslocar nesses dois veículos em locais que estiverem livres de jovens para evitar que sejam acossadas.
No entanto, a polícia religiosa proibiu os sauditas de utilizarem bicicletas e motos como "meios de transporte" e aconselhou que as usem apenas para "se divertirem com seus familiares.
Na Arábia Saudita rege uma rigorosa interpretação da lei islâmica ou "sharia", que impõe a segregação de gêneros em espaços públicos.
 As mulheres não podem dirigir nem viajar fora do país sem um homem da família ou tutor, entre outras restrições.
Dentro de uma série de tímidas reformas de abertura, o rei Abdullah bin Abdul Aziz ordenou nos últimos dois anos que se permita à mulher participar como candidata e como eleitora nas eleições municipais, além de sua entrada no Conselho Consultivo, ou "Shura".
A "Shura", cuja função é apenas consultiva, aceitou no mês passado pela primeira vez em sua história um pedido para analisar o direito das mulheres a dirigir. EFE
Em: http://revistabicicleta.com.br/bicicleta_noticia.php?&id=7811
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.