segunda-feira, 18 de maio de 2015

Ciclistas e Café, qual a conexão?

Ciclistas que ingerem cafeína uma hora antes da realização de exercício de curta duração podem ter um aumento de desempenho entre 3% a 5%.
A cafeína talvez seja o estimulante mais usado no mundo.
Ela é encontrada em uma variedade de plantas, em fontes da dieta diária (incluindo café, chá, chocolate, cacau e colas), e em medicamentos não prescritos.
cyclist and coffe
A média de consumo de cafeína nos Estados Unidos da América é de aproximadamente 2 pucaras de café por dia (200 mg); 10% da população ingere mais de 1000 mg por dia.
A cafeína é uma droga legal, socialmente aceita, e consumida por quase todos os grupos na sociedade.
A cafeína é tida como um suplemento ergogênico nutricional, mas ela não possui nenhum valor nutricional.
A cafeína ingerida é rapidamente absorvida pelo estômago e atinge seu ponto máximo no sangue entre 1 e 2 horas.
Por este motivo, pode provocar uma sensação de euforia que, para o ciclista inexperiente, pode resultar em problema, ao esgotar toda a energia no início do treino ou competição e não deixar nada para depois.
Em outras palavras, nenhuma quantidade de cafeína nos converte em atletas de elite, sem treinamento árduo, constante e prolongado.
É bom lembrar, entretanto, que o consumo de cafeína é desaconselhável para pessoas com intolerância a esta substância ou seus derivados.
A opção mais recomendável é consultar o seu médico antes do uso.

M.M.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.