quinta-feira, 4 de setembro de 2014

As 11 bikes mais descoladas do mundo.



Os avanços tecnológicos têm permitido que os designers  pensem em qualquer coisa na hora de projetar uma bicicleta. A cada dia surgem novas bikes feitas com materiais como madeira, bambu, fibra de carbono e até mesmo de papelão. Nunca antes houve uma variedade tão grande de opções de quadros inovadores com componentes tão leves.

E as melhores magrelas da nova geração foram catalogadas em “Velo: Second Gear“, um novo livro que reúne uma coleção de perfis dos fabricantes que estão na vanguarda da engenharia de bikes. Confira a seguir os 11 modelos que, segundo o livro, são os mais cool do ramo.
reprodução
Z BIKE, SKEPPSCHULT - A marca Skeppshult desenvolve bicicletas na Suécia desde 1911. A Z Bike foi desenvolvida em parceria com o designer industrial Björn Dahlström. O resultado é uma bicicleta elegante, alta e com um quadro inovador.


reprodução
36 VOLT, ELECTROLYTE - A 36 Volt destaca-se por apresentar um quadro leve e manufaturado. O ciclista pode optar por alumínio ou uma combinação entre titânio e carbono. A bike possui um motor de 36 volts que é discreto e se encaixa facilmente no quadro. Quando não está ativado, a bike possui tração simples.
reprodução
764, PELAGRO - A aerodinâmica 764 foi desenvolvida por Peter Laibacher, da marca alemã Pelagro. A bicicleta foi inspirada nos chassi Trelli das motos Ducatti.
reprodução
BOUGH BIKE, JAN GUNNEWEG - O designer holandês Jan Gunneweg esculpiu a bicicleta em madeira. Agora, ele planeja uma série inteira de bicicletas em madeira, todas com custo baixo.
reprodução
BROOKLYNESS, UNIVERSAL BIKE - A Broooklyness foi desenvolvida pela Universal Bike e o design assinado por Manuel Saez. O quadro permite que o piloto ajuste o banco, podendo ficar em uma posição mais agressiva ou relaxada. O bagageiro da frente é removível.
reprodução
CARGOBIKE, ELIAN CYCLES - Essa é uma das bikes de carga mais elegantes já construídas, combinando design e funcionalidade.
reprodução
ELECTRONIC BIKE, HADI TEHERANI - O arquiteto alemão Hadi Teherani desenvolveu uma bateria que acumula energia em uma pequena bolsa no guidão, que comporta um velocímetro e um iPhone. As conexões entre a bateria e o motor, no cubo dianteiro, são minimalistas.
reprodução
LA BORIOSA, BIASCAGNE CICLI - Desenvolvida na Itália, a La Boriosa é uma bicicleta de tração simples ou fixa e apresenta detalhes de solda e componentes vintage. Um visual que remete à época de ouro do ciclismo.
reprodução
SHAPE FIELD BIKE, SHAPE FIELD OFFICE - A bicicleta foi desenvolvida pelo estúdio Shape Field Office, de São Francisco, em parceria com Nicholas Riddle, da California College of the Arts. Ela apresenta detalhes minimalistas nos cabos, tubos e no bagageiro, que é removível.reprodução
THONET BENTWOOD CONCEPT, ANDY MARTIN STUDIO - A bike de estrada limitada, tem quadro de madeira e rodas de carbono. Ela pode ser sua por US$ 70 mil dólares.reprodção
X-9 NIGHTWALK, BRANO MERES - Construída na Eslováquia, foi utilizado jato de água para cortar seus painéis em formato de favo de mel, que depois foram laminados com fibra de carbono.
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.