quinta-feira, 3 de janeiro de 2013

SRAM relança Grip Shift.

A algum tempo atraz escrevi aqui sobre o lançamento do novo passador SRAM Grip Shift de 10 velocidades. Agora encontrei mais informações sobre seu funcionamento.

O grande problema com os rotativos Grip Shift, sempre foi a sua manutenção e sua performance em condições extremas. Muitas vezes quando colocado “na lama”, as coisa  pioravam um pouco.

 Um novo sistema

Porém, apesar de por fora, os rotativos estarem parecidos com o modelo antigo, por dentro o sistema é completamente diferente. O modelo antigo funcionava através de dois tubos concêntricos que giravam entre si . Eles não eram bem selados e volta e meia perdiam a lubrificação e travava.

O novo sistema é totalmente diferente. Ele funciona com três rolamentos de esferas, que de acordo com a SRAM, são muito bem selados e não vão precisar de manutenção frequente.
Há também um mecanismo separado de presilha interna que, de acordo com a SRAM, evita com que a passagem da mudança venha a desalinhar o mecanismo interior e a parte externa.

Opinião dos especialistas

De acordo com os testes feitos por sites especializados, a passagem das mudanças está mais suave do que a dos rotativos XX e X0 convencionais e a mudança foi realmente muito grande. É uma grande vantagem apontada pelos especialistas, foi o excelente funcionamento do sistema de passagem múltipla das mudanças.
Tudo isto foi testado na ultima prova do campeonato do mundo de XCO.
Uma questão que ficou um pouco pior foi a distância entre o rotativo e a manete. Uma vez que o mecanismo ficou maior, o dito teve que ser afastado da manete, o que piorou um pouco a travagem com apenas um dedo.



f

Fonte http://www.sram.com
MM

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.