quinta-feira, 8 de março de 2012

As Mulheres e os grupos de Passeios Ciclísticos.

Percebe-se claramente que existe certa relutância por parte das mulheres em geral
quando o assunto é a bicicleta. Poucos compreendem essa realidade que é peculiar do
público feminino. As mulheres estão cada vez mais adeptas em virtude de certos
detalhes que passam até despercebidos, mas muito importantes poder-mos aqui relatar.
 Desde que a sua utilização não seja para o trabalho necessário, a mulher enfrenta
resistências para o lazer, passeio e desporto. Dentro de muitos fatores só conhecidos
por ela, acredito que muitas razões podem ser compreendidas. Para elas é de suma
importância que a socialização com os grupos de passeios aconteça de forma sólida e
confiável, bem como regado de planeamento e respeito. Ficar para trás no grupo de
vários ciclistas é algo decepcionante para elas e para qualquer um na verdade.
O ambiente precisa ser favorável e uniforme. As metas do passeio precisam ser
conhecidas e planeadas sem surpresas. A participação de um de seus amigos de
confiança  torna-se um convite irrecusável. A presença de outras mulheres
ciclistas é muito importante para o diálogo e troca de experiência que só elas
conhecem bem. A segurança é item fundamental que precisa ficar bem explícito
sobre condições de estrada e trânsito do percurso. A obediência por parte de
todos quanto às regras estabelecidas no trajeto garante mais confiabilidade
às mulheres. Os exibicionistas de plantão não agradam mulheres, portanto
os ‘palhacinhos’ precisam ser desviados para o circo mais próximo. A presença
 de alguém que resolva panes mecânicas é relevante para todas elas.
A inclusão de mulheres é cada vez maior quando existe um comando no grupo que
é democrático e respeitado por todos. Muitas outras questões poderiam aqui
ser incluídas para o entendimento do ponto de vista delas, entretanto vejo
com grande admiração o aumento cada vez maior da beleza feminina nos passeios
 com bicicletas. Quando isso ocorre é um bom sinal de amadurecimento dos diversos
grupos ciclísticos por trilhas e passeios, afinal esse é o termômetro de grupos
saudáveis e maduros.


A.R.M.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.